, , , , , , ,

Como o Google realiza a indexação do seu site?

googlespiders

Como já abordado no Blog Jeenga, SEO – Search Engine Optimization é um conjunto de técnicas, métodos e/ou estudos que visam melhorar o posicionamento de suas páginas no mecanismo de busca para que, quando um usuário esteja num site de busca, ao digitar determinada palavra chave, ele chegue ao seu site ou ao máximo de páginas dele.

A indexação é a forma mais eficiente de organizar e encontrar um arquivo numa base de dados. Para cada item, se associa várias palavras chave ou particularidades que permitam ao arquivo de ser identificado entre um grande número de itens.

O maior site de buscas do mundo indiscutivelmente é o Google e sua ferramenta de SEO funciona da seguinte forma: Imagine um grande centro de processamento de dados, ligado 24 horas por dia, procurando por novas páginas sem parar. Agora imagine, que esses computadores já localizaram mais de 1 trilhão de páginas. Bilhões dessas páginas fazem parte de um índice, que é consultado cada vez que você faz uma pesquisa. Esse é o Google Search. Esse grande conglomerado de computadores rodam um programa conhecido como Googlebot, também chamado de “spiders”.

O segredo para o rastreamento dos bilhões de páginas da web está nos links. Esses links ligam uma página a outra. Ao fazer isso, a página “linkada” se tornou pública, em razão de alguém ter apontado para ela. As spiders do Google aproveitam-se disso para conhecer essas novas páginas. É um processo longo que pode ser simplificado assim: As spiders percorrem os sites que já são conhecidos por elas na internet, em busca de conteúdo atualizado. Além de se atualizar com as páginas já encontradas anteriormente, as spiders frequentemente acham links desconhecidos por elas, que passarão a ser explorados também. Através desses links, antes desconhecidos, as spiders chegam até as novidades, que começam a fazer parte de seu mapa. Esse processo acontece o tempo inteiro em uma escala gigante.

O Googlebot processa cada uma das páginas encontradas para reunir em um índice gigante as palavras que achou dentro delas, bem como as posições dessas palavras dentro de suas respectivas páginas. Daí em diante ele responde às pesquisas organizando este índice, por ordem de relevância.

A quantidade de conteúdo que precisa ser indexado não é relevante, o importante mesmo é que ele seja indexado num menor tempo. Existem algumas medidas para que isso seja feito e elas serão melhor aplicadas à medida que você tem mais conteúdo, uma vez que, para o Google, pode demorar para  percorrer cada uma de suas páginas à procura de links relevantes.

Como também já mencionado no Blog Jeenga, o conteúdo é sim importante e ele precisa ser elaborado de acordo com o interesse do público que você quer afetar, com periodicidade e que engaje os leitores.

Indexação significa simplesmente que seu conteúdo estará na base de dados do Google e, muito provavelmente, será contemplado pelas buscas relacionadas ao mesmo. Entretanto, essa indexação não ajudará muito para palavras-chave muito concorridas.

Embora seja mais eficiente em termos de resultados a indexação natural, acelerar a indexação não deixa de ser muito importante e agilizará sem dúvida os seus resultados.

Podemos acelerar a indexação com os seguintes recursos:

Sitemaps

O envio de sitemaps por meio do Google Webmaster Tools é o passo mais rápido de o Google indexar todas as páginas de seu site. Sitemaps são arquivos XML que agrupam todas as páginas do site, para que o Google saiba exatamente quais links deve acessar.

Feed de notícias

Os arquivos de feed (também conhecidos como RSS) facilitam os buscadores de encontrarem novos e recém-publicados conteúdos em seu site. Novamente, no Google Webmaster Tools você poderá cadastrar seus feeds.

Mesmo seguindo os passos acima, pode demorar para o Google mostrar resultados de seu site. Para saber se o seu site está indexado ou não, você pode pesquisar seu site nos buscadores para saber as páginas indexadas.

 

Por ser o site de busca mais popular do mundo, é importante que você utilize todos os recursos possíveis para que o Google indexe seu site e, assim, quando algum usuário tiver interesse em algum produto ou serviço que oferece e procurá-lo no Google, seu site esteja entre os primeiros resultados, sem precisar pagar, o que é muito importante, né?

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta